google-site-verification=ovzBi6Lh-emZgxEiB2BHIXZFxVJaNxRq8Od3yCDlTio
top of page
Buscar
  • EMec Jr

O segredo da eficiência: por que fazer manutenção preventiva?



A manutenção preventiva é extremamente importante e eficiente para toda empresa que busca aumentar sua produtividade, dessa forma, para sabermos como isso é possível precisamos entender:


O QUE É A MANUTENÇÃO PREVENTIVA?


Manutenção preventiva é toda a ação sistemática de controle e monitoramento, com o objetivo de reduzir ou impedir falhas no desempenho de máquinas e equipamentos. A manutenção aumenta a confiabilidade e leva o equipamento a operar sempre próximo das condições em que saiu de fábrica. Além de prevenir danos severos aos equipamentos.


QUANDO REALIZAR A MANUTENÇÃO PREVENTIVA?


Para que a manutenção preventiva seja realizada, primeiro devemos saber os estopins que podem indicar quando uma máquina está precisando de manutenção, dentre os quais, podemos destacar 3, sendo eles:


Tempo, servindo como exemplo podemos supor: “Lubrificar as engrenagens a cada 4 meses”. Horas de Funcionamento, onde um exemplo válido seria: “Lubrificar engrenagens a cada 1000 horas”. E por fim, a Produtividade: como por exemplo – “Lubrificar engrenagens a cada 1300 peças produzidas.”


No mais, é importante esclarecer alguns conceitos fundamentais para um completo entendimento das possibilidades de aplicações da manutenção preventiva. Existem dois tipos principais de falhas, sendo elas:

Falha Potencial: A falha potencial é uma falha ainda em estágio inicial, que denuncia que há algo de errado mesmo com o equipamento ainda funcionando em sua linha de produção.

Falha Funcional: A falha funcional é quando o equipamento não é mais capaz de desempenhar sua função no processo de produção.



QUAIS AS VANTAGENS DA REALIZAÇÃO DE UM PLANEJAMENTO DE MANUTENÇÃO PREVENTIVA?


Redução de desperdícios: A redução significativa dos desperdícios, não somente de materiais, mas também de mão de obra e de tempo. Quando a manutenção é feita de forma correta e eficiente, é possível evitar certas falhas e descalibragem de equipamentos, que podem gerar potenciais perdas no processo produtivo.

Redução de falhas nas máquinas: Um dos principais objetivos da manutenção preventiva é a prevenção de falhas, utilizando dos processos de análise de sistema e manutenções programadas. De modo que, caso essas falhas ocorram, serão mais simples e terão um menor impacto nas operações, do que eventuais problemas em larga escala. Muitas vezes, defeitos podem ser descobertos com uma antecedência suficiente para programar a paralisação do equipamento e efetuar a correção sem que isso afete significativamente a linha de produção.

Redução do tempo de parada para reparo: O tempo de parada é um indicador importante para a gestão da manutenção. Quando maior o tempo em que a máquina fica indisponível, menos lucro ela gera para o negócio. Quando a manutenção preventiva é feita corretamente, os tempos de parada são menores. Além disso, menos falhas ocorrerão, de modo que os equipamentos ficarão funcionando por mais tempo.

Aumento da vida útil das peças: O tempo de vida dos equipamentos e de seus componentes variam bastante. No entanto, quanto melhor seu estado de conservação, maior será sua durabilidade, o que vai eliminar a necessidade de substituí-los prematuramente. A manutenção preventiva tem como objetivo melhorar a vida útil das peças e equipamentos de modo a tentar restaurar suas qualidades para um estado como o de novo.

Mais segurança: Equipamentos operando com falhas podem representar um risco para os trabalhadores. A falta de manutenções está entre os maiores causadores de acidentes de trabalho. Por isso, intervenções realizadas previamente podem melhorar a segurança e a qualidade de trabalho da mão de obra. Ao realizar a manutenção, os trabalhos seguirão um passo a passo previamente estabelecido, com operações que garantam o cumprimento das normas de segurança.

Redução nos custos de manutenção: Todos os benefícios anteriores trazem uma grande vantagem geral que será uma redução nos custos das operações de manutenção. Em suma, haverá um melhor aproveitamento do tempo, menos recursos serão desperdiçados e haverá menos falhas e quebras de equipamentos.


A manutenção preventiva é indispensável para toda empresa que busca alcançar o máximo de sua eficiência e se tornar cada vez mais competitiva no mercado. Garantindo uma maior produtividade e economia, ao mesmo tempo em que visa a segurança dos operadores e aumenta a confiabilidade no processo produtivo, uma vez que será reduzido bruscamente os riscos de paradas repentinas na linha de produção.



Comments


bottom of page