google-site-verification=ovzBi6Lh-emZgxEiB2BHIXZFxVJaNxRq8Od3yCDlTio
top of page
Buscar
  • EMec Jr

Como investir em capital humano pode ajudar a obter melhores resultados em uma empresa ?

“Valorize sempre o ser humano. Pessoas são o bem mais valioso do mundo são elas os únicos seres capazes de inovar e que, com sentimentos podem transformar o mundo para melhor.”

- Janguiê Diniz, Fundador do Grupo Ser Educacional




Atualmente, com o movimento acelerado de crescimento do mercado, as empresas necessitam da constante atualização, uma vez que, o fluxo de crescimento precisa ser acompanhado, dessa forma, seja para está a um passo à frente da tecnologia ou da concorrência faz-se necessário se reinventar.


Dentre as muitas formas de atualização e reinvenção temos o investimento em capital humano, sendo este o maior ativo que uma organização pode ter, mas o que seria isso e quais seriam seus benefícios?


Podemos dizer com segurança que hoje o poder de uma organização não se resume ao seu produto ou no seu mercado de atuação, mas a capacidade crítica de execução e a habilidade de reinvenção diária para que os colaboradores possam enfrentar os desafios propostos, uma vez que, gente é o ativo mais importante de um negócio e sem ele não existe o produto. Nesse cenário, investir no seu capital humano é um dos caminhos para assegurar a qualidade e concorrência da organização.

MAS O QUE SERIA UM INVESTIMENTO EM CAPITAL HUMANO ?

Poderíamos resumir dizendo que se trata de criar caminhos para você investir no desenvolvimento da sua equipe e garantir que tenha pessoas competentes no presente assim como no futuro, logo investir no seu capital humano é ser VISIONÁRIO. Torna-se importante ressaltar que os caminhos não são únicos, mas investir nas capacitações com certeza trará resultados positivos e surpreendentes.

E por falar em capacitações essas são algumas das formas classificá-las;

Presenciais: Essa é a forma mais comum, nesse caso a empresa oferece cursos em locais externos ou dentro da empresa, palestras motivacionais, treinamentos corporativos e até bate-papos em diferentes áreas. Além disso, o funcionário tem contato direto com o mentor e com feedbacks constantes.

A Distância: São cada vez mais comuns, cursos à distância onde o funcionário tem flexibilidade de horário e local, e ainda economiza tempo e dinheiro.

Práticas: Nesse caso, a capacitação acontece dentro da própria empresa e o colaborador aprende na prática uma tarefa específica que será de sua responsabilidade futura. Sendo uma capacitação para o desenvolvimento de uma habilidade específica.

MAS AFINAL, A CAPACITAÇÃO PROFISSIONAL É UM INVESTIMENTO OU MAIS UMA DESPESA PARA SUA EMPRESA?

Nós sabemos que dentre os receios das corporações o investimento em capacitações nas novas gerações, como os millennials, que priorizam bens duráveis, conforto e valorizam vivências, e que são responsáveis por turnovers e por altas taxas de rotatividade, permanecendo por uma média de apenas 3 anos em um emprego, acaba sendo visto somente como um custo a mais para a empresa.


Mas, ainda assim nós te dizemos que as empresas precisam SIM investir no desenvolvimento dos seus funcionários, seja na melhor execução dos trabalhos ou em habilidades deficitárias, porque mesmo que os colaboradores fiquem por pouco tempo, eles trazem vantagens competitivas dentro do mercado, assim as organizações devem não só se preocupar com a retenção de talentos, mas também com a gestão do conhecimento da empresa.


Ou seja, deve ser incentivado que os funcionários busquem informações através de cursos, palestras, workshops, livros, manuais, formação acadêmica e visitas em outras empresas. E ainda, deve internalizar todas essas informações e, por fim, passar para os outros colaboradores que não tiveram a oportunidade de se capacitar.

Ainda não está convencido que é bom negócio?

E se como uma alternativa você conseguisse uma forma de fidelizar o seu colaborador utilizando contratos para custear 50% a 100% das mensalidades de cursos de capacitação, formação acadêmica ou cursos de idiomas, o que obrigaria assim o colaborador a ficar na empresa em média mais de 3 anos após o término da capacitação, ou em caso de desligamento antes do período reembolsar os valores pagos pelo empregador? Uma boa alternativa né?



O melhor investimento no capital humano traz inúmeros benefícios para uma organização, como:

A melhoria nos processos internos: Quando se trabalha com a venda de algum serviço ou produto todas as áreas da empresa devem trabalhar de forma coesa para isso acontecer, mas pode ser descoberto que alguma área não está funcionando como deveria, então qual seria a solução? Capacitar esses membros.


Ou seja, membros capacitados melhoram os processos internos como um todo, agilizando assim todo o processo de produção e venda da corporação.


Presença de funcionários mais confiantes: Os colaboradores se tornam mais confiantes e seguros nas suas funções quando percebem que a empresa está preocupada em capacitá-los.

A introdução de novas tecnologias: Com funcionários capacitados, a empresa tem maior facilidade de implementar novas tecnologias no ambiente de trabalho.

Redução de gastos: Com uma maior retenção de talentos, ao longo do tempo uma empresa será capaz de descobrir novas habilidades, melhorando assim sua qualidade e tendo maiores oportunidades de crescimento.

Um aumento nas vendas: Um funcionário bem capacitado irá gerar mais resultados e, consequentemente, aumentar os lucros da organização.

5 DICAS PARA LEVAR CAPACITAÇÃO PARA SUA EMPRESA




Algumas dicas podem ser usadas para implementar um sistema de capacitação na sua empresa.


1° Dica: Não use apenas a experiência como parâmetro de aprendizado, pois a experiência é a prática de erros e acertos, o que pode por muitas vezes possa desmotivar o seu colaborador.


2° Dica: Busque por treinamentos corporativos específicos para sua empresa. Encontre qual o maior problema e procure por um treinamento focado somente nisso.


3° Dica: Avalie os resultados, sempre faça um levantamento sobre o custo da capacitação e o retorno que isso trouxe a sua organização. Verifique se o processo agregou valor para a empresa, se houve aumento na produtividade e se foram corrigidas as falhas de processo.


4° Dica: Envolva sempre gestores e líderes na capacitação de funcionários, pois isso cria um laço de confiança entre a equipe.


5° Dica: Tenha sempre a tecnologia como aliada no momento de capacitação e treinamento, por exemplo, as plataformas online tem fácil acessibilidade e, geralmente, custam menos que cursos presenciais.

Comments


bottom of page